Escultor diz que jovem desaparecido no Acre é a reencarnação do filósofo Giordano, morto em 1600

05/04/2017

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Uma obra de arte encontrada no quarto do estudante Bruno Borges, que desapareceu no Acre, pode ser a chave do enigma

O escultor Jorge Rivasplata (80 anos), autor da obra, disse que Bruno pode ser a reencarnação do filósofo  Giordano Bruno, morto no período da inquisição.

Giordano, nascido em 1548, que acreditava que os seres humanos não eram capazes de entender o conceito de Deus.

Ele acreditava que o Ser Supremo era a inteligência e a vida por trás de tudo que existe no mundo, inclusive na matéria.

A pedido do papa, foi entregue ao tribunal da Santa Inquisição e acabou sendo queimado no ano de 1600.

Suas idéias não foram aceitas no meio religioso.

Rivasplata, o escultor, afirmou que conhece o estudante Bruno Borges há algum tempo:

“Eu o conheço […] acredito que ele é a reencarnação do filósofo Giordano Bruno […] não posso falar mais sobre isso […] digo aos pais dele que não fiquem preocupados […] em breve o garoto será conhecido em todo o mundo […] é só o que posso falar […] Bruno é um jovem inteligentíssimo […] ele é acima da média […] ” disse o artista.

O que mais assusta nesta história toda é que Rivasplata acredita que os 14 livros que foram escritos pelo estudante são a conclusão das teorias do antigo filósofo Giordano, que foi queimado pela inquisição pelas idéias que defendia.

Ele ainda acrescentou:

“Tudo tem um propósito […] já estava escrito. Sempre acreditei nele” finalizou.

Ou tudo não passa de uma jogada de marketing ou estaremos diante de um gênio em pouco tempo!


(fonte: G1 Acre)


leia também:

Hacker decifra página de livro criptografado deixado por jovem que desapareceu no Acre


publicidade
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.