Eles não compareceram à PF. Defesa alegou que “eles não são obrigados a se submeter a essas exposições”

marisaelulinha1608

O advogado do ex-presidente Lula, em entrevista coletiva, alegou que a ausência de Dona Marisa e do filho Fábio Luís Lula da Silva em depoimento agendado pela PF, foi o “exercício de um direito previsto na Constituição”

O depoimento estava agendado para as 10 horas da manhã de hoje (16) na Superintendência da PF em SP.

publicidade

O inquérito apura as reformas feitas no sítio de Atibaia com ‘prováveis’ recursos desviados da Petrobras.

“O depoimento não tem sentido já que em março deste ano os proprietários João Suassuna e Fernando Bittar mostraram documentos que provam que eles são os donos do sítio e que a propriedade foi adquirida com recursos lícitos e próprios.”  alegou a defesa de Lula.

E não parou por aí:

“Comunicamos à Polícia Federal que eles iriam exercer o direito de não prestar depoimento […] o objeto da investigação já está devidamente elucidado e não há como se levantar qualquer dúvida a respeito da propriedade do sítio”.

Depois a PF faz condução coercitiva e dizem que estão sendo perseguidos!

É uma total falta de respeito com a Justiça e com o povo brasileiro!

Quem não é obrigado a se submeter a esse tipo de constrangimento são os 11 milhões de brasileiros que estão desempregados!

 

publicidade