Cunha apresenta exames que comprovam aneurisma e pode ser solto pelo STF

Eduardo Cunha apresentou hoje (08) atestados médicos e resultados de exames para comprovar que possui um aneurisma cerebral

Cunha relatou seu estado de saúde durante uma audiência realizada com o juiz Sergio Moro ontem (07).

De acordo com o político, nem mesmo seus advogados tinham ciência de seu problema.

Passada a audiência, o ex-deputado se recusou a fazer um exame no Departamento Penitenciário do Paraná.

Na tarde de hoje, ele apresentou os documentos:

Imagens de ressonâncias magnéticas realizadas em 2015 no Hospital Sírio-Libanês e em uma clínica particular no Rio de janeiro também foram anexadas ao processo.

 

 

O STF adiou o julgamento sobre o pedido de liberdade do ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) que seria analisado hoje.

Cunha está preso em Curitiba desde outubro/2016 por decisão do juiz Sergio Moro.

A defesa do ex-deputado irá anexar os documentos acima para impetrar um pedido de habeas corpus no STF, alegando que Cunha necessita de cuidados médicos especiais.


 

publicidade


error: Conteúdo protegido !!