CNI se reúne com Temer e sugere jornada de trabalho de 80 horas semanais (corrigido)

08/07/2016

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Após uma reunião com o presidente interino Michel Temer, Robson Braga [presidente da Confederação Nacional da Indústria] disse que serão necessárias “mudanças bruscas” tanto na Previdência Social quanto nas leis trabalhistas.

Michel Temer não se pronunciou após o encontro.

O presidente da CNI sugeriu que o país adote iniciativas iguais às do governo francês, que, de forma independente do Parlamento, conseguiu autorizar uma carga horária de até 80 horas semanais e de 12 horas diárias para os trabalhadores.

“Um déficit de R$ 139 bilhões [para 2017]. Acho que foi uma demonstração de responsabilidade do governo apresentar as dificuldades que têm e o esforço que será feito para contornar essas dificuldades”, afirmou o presidente da CNI.


CORREÇÃO DA CNI

A citação do presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, sobre a ampliação da carga horária na França para 80 horas semanais foi corrigida.

O presidente da CNI citou, ao invés 60 horas semanais de trabalho, uma carga horária de 80 horas por semana para o trabalhador como uma possibilidade de revisão para “criar competitividade” e enfrentar a crise econômica no Brasil.

A comunicação da CNI disse que seu presidente “JAMAIS defendeu o aumento da jornada de trabalho brasileira, limitada pela Constituição Federal em 44 horas semanais”. Na nota, a entidade afirmou que tem “profundo respeito pelos trabalhadores brasileiros e pelos direitos constitucionais”, descritos no texto como “símbolo máximo das conquistas sociais da nossa sociedade.”


publicidade
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.