China e EUA podem atacar a Coreia do Norte nesta segunda-feira

Segundo informações da agência internacional Reuters, Donald Trump e Xi Jinping (presidente chinês) conversaram ontem por telefone e decidiram colocar um fim às ameaças da Coreia do Norte.

O comunicado oficial dos EUA diz que “a beligerância (estado de guerra ou conflito) entre a Coreia e o restante do mundo deve ter um fim imediato”

Se o telefonema resultar em ações concretas, uma ação bélica pode ser tomada ainda hoje para conter o ditador norte-coreano, que prometeu testar mais um artefato nuclear na data de amanhã (25).


EXPLOSÃO NUCLEAR NO DIA 25 DE ABRIL

Pyongyang (capital da Coreia) continua a ameaçar uma guerra mundial e especialistas alertaram que outro teste nuclear poderá acontecer AMANHÃ (25).

Kim já detonou outras cinco bombas nucleares até o momento e imagens de satélite mostram que o país norte-coreano está preparando um novo local de teste para a sexta explosão.

Analistas do exército de Seul disseram que “nenhuma tragédia pode ser descartada”:

“A Coreia do Norte vai explodir outra bomba nuclear no dia 25 de abril” diz o relatório.

De acordo com o relatório de Seul, a data em questão tem uma justificativa: é o aniversário da fundação do Exército Popular da Coreia.

Projeções mostram que o próximo teste nuclear da Coréia do Norte poderá ser quase 19 vezes mais poderoso do que o dispositivo caiu em Hiroshima durante a Segunda Guerra Mundial.


 

publicidade


error: Conteúdo protegido !!