Após ser denunciada na Lava-Jato, senadora do PT é flagrada quebrando quarto de hotel

senadoraquebra

Após ser denunciada pelo Procurador Geral da República [Rodrigo Janot], a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) teve um ataque de fúria no quarto do hotel onde ficam os parlamentares em Brasilia

Janot acusa Gleisi, seu marido e o empresário Ernesto Kugler por lavagem de dinheiro e corrupção passiva, tendo recebido dinheiro desviado da Petrobrás que ajudou na campanha da senadora em 2010. [saiba mais aqui]

publicidade

De acordo com funcionários do hotel, após tomar ciência da denúncia feita pelo PGR na Operação Lava Jato, a senadora gritou e chingou Janot de filho da p…

O ataque de fúria não parou por aí. Gleisi ainda quebrou vários objetos do quarto em que estava e depois saiu do local como se nada tivesse acontecido.

A senadora ‘equilibrada’ pediu para ser trocada de suíte.

O que disseram as defesas dos suspeitos

Os advogados disseram ter recebido com “inconformismo” a denúncia da senadora do PT . Segundo os defensores, as provas obtidas no inquérito comprovam que ela não recebeu propina do esquema de corrupção.

Nota divulgada pela defesa de Paulo Bernardo

Não houve qualquer envolvimento dele com os fatos narrados na denúncia. Demonstraremos isso com veemência e acreditamos que a denúncia não pode ser recebida.

publicidade