Diário do Brasil

Após cuspir em Bolsonaro, Jean Wyllys recebe punição leve e debocha do povo: “A ética venceu”

Depois de receber uma advertência do Conselho de Ética da Câmara, Wyllys ainda teve tempo de tirar sarro do povo

O deputado disse que a decisão do Conselho foi uma vitória que ele guardará como troféu.

Ricardo Izar, deputado relator do caso, havia pedido a suspensão do mandato de Wyllys pelo período de 1 mês.

Abaixo o discurso da vitória do ex-bbb:

“… os fascistas, os reacionários esperavam que eu fosse punido […] agora vão ter que chorar nas redes sociais […] que chorem […] A democracia e a ética venceram”, disse o deputado à revista Época Expresso.


 

publicidade


error: Conteúdo protegido !!