Aos 29 anos, Sisy Arias fazia seu primeiro voo como copiloto civil

sisy

Uma entrevista que está circulando nos maiores jornais do mundo mostra a bela e jovem co-piloto do voo da Lamia horas antes do acidente

Sisy Arias, de apenas 29 anos, participava de seu primeiro voo como copiloto civil.

publicidade

Sentada na cabine do avião, a jovem (que também é conhecida por ser modelo na Colômbia), disse estava orgulhosa por transportar a equipe de futebol brasileira para a final da Copa Sul-Americana de 2016.

Algumas horas mais tarde, o avião iria se chocar contra uma montanha matando 71 pessoas que estavam a bordo e deixando apenas seis sobreviventes.

Arias diz ao entrevistador:

“Uma das coisas importantes é saber que a equipe está usando uma linha aérea boliviana para levá-los até Medellin”

A família de Sisy está devastada e relatou que suas vidas nunca mais serão as mesmas.

O irmão dela declarou:

“Perdi minha irmã para o resto da minha vida. Não tenho palavras para expressar toda a dor e o vazio que sinto. Você era minha alma gêmea e me deixou […] deixou também todas as pessoas que você amou. Você foi a pessoa mais nobre que eu já conheci e tenho a esperança de vê-la novamente quando Deus me chamar. Eu te amo, querida irmã de alma. “

O vídeo mostra como todos da equipe estavam animados, rindo e brincando juntos.

O jogo mais importante de suas vidas foi interrompido devastadoramente.

Apenas três jogadores sobreviveram ao acidente.

Durante a entrevista, o treinador Caio Júnior revelou a alegria que sentia com sua equipe […] era quase um conto de fadas.

“Estamos muito orgulhosos de representar o Brasil e chegar à final do torneio, principalmente porque estamos representando as equipes pequenas do Brasil. Isso nos dá força e orgulho. Passar pela Bolívia vai nos dar sorte. “ disse.

publicidade