A finesse da ex-primeira dama comentando sobre as manifestações: “Eles que enfiem as panelas no c#”

grampomarisa

Trecho da conversa interceptada pela Lava-Jato no mês de fevereiro entre a ex-primeira dama do país e seu filho

Nunca antes na história desse país, um presidente e a primeira dama foram tão desbocados.

publicidade

Na conversa, Dona Marisa Letícia conversava com seu filho Lulinha:

Lulinha: “As pessoas estão se manifestando, têm direito constitucional de bater panela”.

Marisa: “Eles que enfiem as panelas no c#”.

“Vem desses prédios que custam 500 mil e eles ainda estão pagando. A favela não se manifestou”, afirma.

A ex-primeira dama ainda ficou indignada com os protestos em São Bernardo do Campo, cidade onde reside o casal, e disse para o filho:

Marisa: “Aí em São Paulo, eles elegem o Alckmin, o que você quer? Mais aqui em São Bernardo, uma cidade de trabalhador? Que que é isso?”.

(Via Veja)

publicidade