Diário do Brasil

Após ataque à Síria, governo russo promete “consequências negativas” aos EUA

A assessoria de comunicação do governo Russo emitiu um comunicado informando que a ação americana terá consequências negativas

Vladmir Putin é um antigo aliado do presidente sírio Bashar al-Assad, tendo inclusive fornecido armamento e soldados para a Síria.

Após o bombardeio americano realizado esta noite (leia aqui) em resposta ao ataque com armas químicas que mataram mais de 53 civis na Síria, a Rússia se pronunciou:

“Toda a responsabilidade estará sobre os ombros daqueles que a iniciaram um conflito armado. Haverá consequências negativas”, disse o embaixador russo Vladimir Safronkov.

Questionado sobre quais consequências, o diplomata foi enfático

“Força se combate com força” disse.

Membros do Conselho de Segurança da ONU estão reunidos para tentar evitar uma catástrofe de proporções mundiais.


 leia também:

Jornal inglês publica alerta: “Aviso de Terceira Guerra Mundial – Como sobreviver a uma bomba nuclear”


publicidade


error: Conteúdo protegido !!